Entrada >> Extremos Climáticos >> Risco de Incêndio Florestal >> Fogo Bacteriano
voltar atrás  Enviar por e-mail  Imprimir
 
Fogo Bacteriano

O fogo bacteriano é uma doença causada pela bactéria Erwinia amylovora (Burr.) Wins. et al., considerada um organismo nocivo de quarentena a nível comunitário e, como tal incluido no Anexo II/A/II da Directiva nº2000/29/CE, do Conselho, de 8 de Maio, e suas alterações, e que figura, também da Lista A2 - da Organização Europeia e Mediterrânica da proteção das Plantas (OEPP), que inclui os organismos nocivos recomendados para serem regulamentados como organismos de quarentena.

Foi elaborado um Plano de Ação Nacional para o Controlo do Fogo Bacteriano(abril de 2012), em que participaram várias entidades e que estabelece as ações a executar, nomeadamente a destruição e queima do material infetado.

Uma vez que as queimas realizadas, por motivos fitossanitários, nos espaços rurais durante o período crítico e fora deste período, mas sempre que o risco de incêndio florestal é muito elevado ou máximo, devem ser realizadas na presença de uma unidade de um corpo de bombeiros ou de uma equipa de sapadores florestais e previamente comunicadas às autoridades competentes. Neste sentido devem os proprietários, dos vegetais infetados contatar previamente o dispositivo da GNR, para agendamento da realização da queima e para obter informação sobre as condições para a sua realização.

A SEPNA - Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente da GNR elabora a informação relevante para a Atividade Operacional, onde se encontra, entre outras, a informação relativa ao risco de incêndio florestal.

Esta informação passa a ser aqui disponibilizada clique aqui>>

Sugere-se o acompanhamento das condições meteorológicas de da actualização das previsões, através do wesite do IM em: http://www.meteo.pt e a página de agrometeorologia do IM em: http://www.meteo.pt/pt/agrometeorologia/mapas/.

30-04-2012
 

Circular_de_Avisos_nº4_2017_Terra_Quente - Estação de Avisos da Terra Quente - Mirandela (16-10-2017)
Circular nº 16/2017 - Estação de Avisos de Entre Douro e Minho - Porto (28-09-2017)
Circular de Avisos nº13 (2017) Olival, Pomóideas - Estação de Avisos da Guarda (19-09-2017)
Circulares de Avisos por Est. de Aviso / Cultura / Inimigo











FAIL (the browser should render some flash content, not this).


INTRANET
 
 


Serviço Nacional de Avisos Agrícolas
© 2009
   programa AGRO Ministério da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas Direcão-Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural UniãEuropeia - Fundos Estruturais Acessibilidade S�olo de conformidade n�l A das Directrizes de Acessibilidade para o centea Web 1.0 do W3C
Concepção e Desenvolvimento: Agri-Ciênca.